Artur pastor mar nosso 1 1 355 2500
18,00 €

 

"A exposição Mar Nosso - Fotografia de Artur Pastor, que o Museu Marítimo de Ílhavo imaginou no âmbito da programação comemorativa dos seus oitenta anos, reúne numa só narrativa inúmeras histórias de homens e mulheres do mar. As imagens são injuntivas. Ligam as palavras e as coisas, suscitam interrogações sobre o "mar nosso " que talvez se tenha perdido.

 

Cada uma das setenta e quatro fotografias exibidas na exposição e neste livro-catálogo invoca um tempo, um espaço, um iamginário. A emoção estética que sentimos ao vê-las flutua conforme a relação que mantemos com as "coisas do mar" e varia de acordo com o nosso entendimento da fotografia enquanto arte. Seja qual for essa perspetiva do eu, é certo que este tempo de meados do século passado, o tempo de um "Estado Novo" etnografado de múltiplas formas, dentro e fora do reduto balofo da propaganda, é um arquivo infindável de imagens que parecem desafiar a corrosão do seu próprio significado. Talvez por isso, estas imagens incorrem numa estética da pobreza que sendo bela é também cruel. A harmonia geométrica dos barcos e das artes estendidas na praia, o rosto sulcado dos homens e mulheres não revelam os negativos de um quotidiano feito de grandes rigores e privações, de pobreza e conflito. Vemos o que queremos nestas imagens? Ou sabemos o que vemos através daquilo que a fotografia nos mostra?

 

A ideia de produzir esta exposição nasceu de uma intenção antológica que a obra de Atur Pastor bem justifica. Reunir as principais imagens marítimas do fotógrafo num museu cujo projeto cultural se centra nos trabalhos da memória significa prestar culto à fotografia como arte documental e enquanto discurso identitário. Estas pequenas utopias ganharam corpo graças à perseverança de um Museu cuja estrutura há muito se acostumou a concretizar projectos audazes. Igualmente decisiva foi a colaboração do Arquivo Fotográfico de Lisboa e o trabalho curatorial do arquitecto Artur Pastor, filho do artista. O conhecimento detalhado que tem da obra de seu pai, o trabalho incansável que realizou e a sua sensibilidade artística permitiram fazer deste projecto expositivo um trabalho feliz, permanemtemente reconstruído. Ao Luís Pavão, principal responsável pela preservação do arquivo fotográfico de Artur Pastor e autor de um dos textos deste catálogo, e ao Luís Martins, antropólogo do mar e das pescas que redigiu outro texto sábio que aqui se inclui, deixo um especial agradecimento.

 

À Âncora Editora e à Mútua dos Pescadores, empresa que apoiou a presente edição, deve o Museu Marítimo de Ílhavo o privilégio de uma parceria que oferece ao atual movimento de reenlace de Portugal com o mar um sedimento cultural de forte intenção estética e memorial."

 

Álvaro Garrido

Prof. da Universidade de Coimbra 

Consultor do Museu Marítimo de Ílhavo

 

 

Ficha Técnica:

 

Câmara Municipal de Ílhavo | Museu Marítimo de Ílhavo e Âncora Editora

 

Direitos reservados por:

Âncora Editora

Avenida Infante Santo, n.º 52 - 3º Esq.

1350 - 179 Lisboa

ancora.editora@ancora-editora.pt

www.ancora-editora.pt

 

Câmara Municipal de Ílhavo | Museu Marítimo de Ílhavo

Av. Dr. Rocha Madahil

3830 - 193 Ílhavo

museuilhavo@cm-ilhavo.pt

www.museumaritimo.cm-ilhavo.pt 

 

Textos | Álvaro Garrido, Artur Pastor, Luís Martins e Luís Pavão

 

Revisão | Nuno Miguel Costa

 

Imagens | Arquivo Municipal de Lisboa / Câmara Municipal de Lisboa

 

Edição n.º 28012

 

1ª edição | Maio de 2017

 

Depósito legal n.º 426278/17

 

Capa e design | Sofia Travassos | Âncora Editora

 

Pré-impressão | Âncora Editora

 

Impressão e acabamento | Multitipo - Artes Gráficas, Lda.

 

ISBN | 978 972 8863 37 1

 

ISBN | 978 972 780 605 8